Consórcio responde por 12% das vendas financiadas em agosto

0 Comentários

Consórcio responde por 12% das vendas financiadas em agosto



Sistema foi responsável pela negociação de 60.680 unidades.

Um estudo realizado pela B3 – Brasil Bolsa Balcão apontou que os consórcios foram responsáveis por 12% das vendas de veículos financiados em agosto. A pesquisa tem, como base, o Sistema Nacional de Gravames (SNG), operado pela B3 e que é a maior base privada do País, reunindo o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil. O sistema de consórcios respondeu pela venda de 60.680 unidades.

Este volume é apenas 4,17% menor do que o registrado em agosto de 2019, o que aponta que o mercado de veículos já começa a se mostrar ajustado ao novo ambiente de negócios imposto pela pandemia. Na comparação com julho deste ano, a queda foi de 2,7% no número total de vendas (em julho, o consórcio foi a forma de aquisição de 62.357 veículos), mas participação se manteve. “O consórcio ficou estável, com participação de 12% na preferência dos consumidores em agosto, contra 12,8% em julho”, diz o relatório.

Seminovos em alta

Um ponto que chama atenção no estudo é a queda de 26,5% no financiamento de automóveis leves novos, na comparação com agosto de 2019. Entre os usados, por outro lado, o cenário é de alta, com 2% de aumento. E o consórcio também pode ser utilizado para a conquista de um carro ou moto usados.

Entre os automóveis leves, o maior crescimento de vendas foi entre os veículos com até três anos de fabricação, que passaram das 68,8 mil unidades financiadas, em agosto de 2019, para 77,9 mil, no mesmo mês deste ano, um salto de 13,2%. O prazo médio dos financiamentos também subiu em 2020. Aumentou de 42,9 meses, em média, no ano passado, para 44,1, neste ano. O maior prazo para crédito foi observado entre os seminovos com até três anos de uso, com 45,8 meses.

Flexibilidade dos consórcios

Os dados do estudo estão em harmonia com o momento de pandemia, pois é natural que os consumidores procurem comprar bens de valores menores, devido à incerteza econômica, mas fica claro, também, que o mercado está em processo sólido de retomada dos negócios. E, seja qual for sua situação atual, o consórcio se encaixa, perfeitamente, na concretização de seus objetivos, uma vez que o sistema é bastante flexível no processo de aquisição de veículos.

Por meio de planos sob medida, o consórcio não obriga seu cotista a comprar o carro de referência do seu contrato. Ao ser contemplado, é possível escolher o modelo novo que se deseja comprar: caso o valor seja mais alto que o da carta de crédito, basta completar a diferença. Se o valor do veículo for menor, o desconto será efetuado nas parcelas futuras. Se quiser um seminovo, sem problemas: é possível adquirir veículos com até cinco anos de fabricação.

São esses diferenciais que fazem do consórcio a modalidade mais inteligente de autofinanciamento disponível no Brasil.

 

Faça sua simulação

Para adquirir sua cota de consórcio Disal, basta fazer a sua simulação clicando aqui!

Após isso, um dos nossos representantes irá entrar em contato com você para poder dar sequência no seu atendimento.

simule_agora

Assine nossa Newsletter Saiba mais sobre consórcio